Do Autor


04 outubro 2011

Mil Ondas


Acordei ao som de mil ondas brancas
Debaixo do vermelho do céu
Com a tua ternura a tocar o nu
Não te encontro senão no desejo
No aroma das  arábias
Da velha lamparina a tua imagem flui
Assim invento-te nas noites estreladas
De verão







´´No Fumo da Lamparina´´ 21 de Maio 2011
´´Toque Violeta´´ 31 de Janeiro 2009

3 comentários:

Cris disse...

É uma espera tranquila... quase mágica. Encostei-me por aqui a descansar... sorrindo e sonhando!
Beijo

J.F.S. disse...

Com um sorriso agradeço-te Cristina este teu encosto sentido

MARILENE disse...

Que linda espera! Há sentimento em cada verso. Seu espaço é encantador.

Bjs.