Do Autor


28 agosto 2016

Após este silêncio

Um mergulho vertical no interior desconhecido
Confronto-me com o silêncio
E logo chega uma musica das musicas
Oriundo do fundo ...
É um ruído do espaço ou de anjos?
Daqui não há musica mais bela debaixo do sol

nem das Luas
Após este silêncio escrevo frases sem serem
O sentir vive


2 comentários:

Gerbera Flor disse...

Lindaaa vc tem um blog de poesia...gostei desse espaço... é tudo tao lindo...

DaSilvaJF disse...

Volte sempre